segunda-feira, 5 de agosto de 2013

Vá para o Pantanal

 A BEP (Base de Estudos do Pantanal) está localizada na margem direita do Rio Miranda, na região do Passo do Lontra, município de Corumbá-MS.

Passei um tempinho lá e lá vai meu relato:

Chegamos às 6 da manhã, após 17 longas horas de viagem. O que se vê de dentro do ônibus é mágico. Aquela aurora me fez lembrar as sombras e luz do raiar do dia no Rio Madeira, só que com uma vegetação bem mais baixa, mas não menos estonteante.

Quando desci do ônibus, não conseguia me decidir o que olhar primeiro, era tanta coisa para se reparar.. um socó-boi me lançou um olhar indiferente e cantou.. e já voou para outro lado, dando lugar a curicacas, dezenas de cardeais e na água via-se ondinhas circulares formadas pela movimentação dos milhares de peixes que nadavam por ali.

Raiou o dia e todos foram em silêncio só olhar.. às margens do Rio Miranda a vida começava a acontecer..
Ir ao Pantanal na cheia se resume em duas palavras que fazem qualquer um ficar espantado/encantado: Aves e Água.

É claro que quando falamos em água, nela se inclui os belos, diversos e saborosos peixes de lá. Piraputangas e pintados, cacharas, barbados e mato-grossos, peixes!

Me senti uma bióloga MUITO mais feliz depois de conhecer esse lugar. É diferente. É único. É a maior planície inundável do mundo.

5 Dicas para quem vai se aventurar no pantanal:

1)  Principalmente na seca, proteja-se bem dos pernilongos. Camiseta de manga longa, duas calças (ou uma calça grossa/dura), chapéu com boa cobertura e repelente é uma boa.
2)  Água, tome muita água. Lá no BEP tem, mas dá pra beber numa boa. O ideal é levar um galão de água mineral, porque a água lá tem um gosto bem diferente da daqui de sampa.
3)  Leve um guia de aves, você vai ficar curioso! Um recomendado é o Aves do Brasil- Cerrado e Pantanal, do Guy Tudor. Não é caro (~40 BRL) e é legal, um balanço entre uma visão mais pessoal e a zoológica.
4)  Zoom na câmera é legal..
5)  Pra quem for cursar disciplina ou fazer atividades de ensino e pesquisa lá: Curta toda a infra-estrutura do BEP! Boas instalações, comida muito boa!


Finalizando, amei participar da saída de campo com o Pessoal da UFSCar! Obrigada mais uma vez PET-Bio! E obrigada também aos outros educadores Carol Stella, Cesar Medolago e Prof. Sonia Buck pelos bons momentos!!


P.S. Você deve estar se perguntando: “ué, ela não vai falar nada de mamíferos??”. Ok, estava fraco de mamíferos.. resumindo: morceguinhos insetívoros e pescadores (uhu!), bugios, capivara a rodo, muitas pegadas e onça esturrando..

Foto: O lindinho Bico-de-prata (por mim mesma)